Vamos transformar juntos o Comércio Exterior no Brasil.

Estão abertas as inscrições para o Programa de Aceleração da 4Comex, a primeira aceleradora exclusivamente focada em comércio exterior.

Faça sua Inscrição

Blog Aceleradora 4Comex

21.01.2020 Cases de sucesso

De onde vêm as boas ideias?

A Aceleradora 4Comex foi criada com o objetivo de fomentar a inovação em comércio exterior. Desde a sua idealização, acreditamos que bons projetos podem ser desenvolvidos no maior celeiro de ideias do Brasil (e do mundo): as Universidades.

Nelas estão os futuros profissionais, atuais alunos, com aquele senso de curiosidade e desejo de inovar, debatendo questões já tidas por todos como sem solução e ousando desafiar o status quo. Eles buscam pela criação e abordam os problemas por ângulos que os profissionais experientes, e consequentemente "viciados", não conseguem enxergar. 

Então, por que não unir a 4Comex e as Universidades desde esses primeiros passos da nossa aceleradora?

Foi exatamente isso que fizemos. E como não poderia ser diferente, criamos um piloto para testar a nossa ideia, aprender e aprimorar o modelo. A Universidade Presbiteriana Mackenzie, através da Professora Francisca Grostein, do curso de administração com linha de formação de comércio exterior, abraçou o piloto proposto: substituir o trabalho final da matéria, normalmente teórico, por um desafio real do comércio exterior, enfrentado pelas empresas no dia-a-dia. Os alunos, então, receberam um case desafio para trabalhar e apresentar uma solução.

O desafio escolhido, dentre tantas possibilidades que temos hoje no comex, foi: Como podemos identificar e “traduzir” as exigências técnicas, sanitárias e etc para exportação/ importação em diferentes países?  Como podemos facilitar o acesso a informações de exigências internacionais para a exportação/ importação de diferentes produtos? 

Ao final do semestre, nossa equipe pôde acompanhar as apresentações da maior parte dos grupos e tivemos uma grande surpresa positiva com a qualidade das soluções apresentadas. A maior parte dos trabalhos foi apresentada de maneira bastante consistente. Quase a metade deles estruturou sites. Alguns chegaram a estruturar um protótipo! (Destaco que, nesse ponto, ficamos orgulhosos de vê-los experimentando!)

Alguns deles, ao nosso ver, arrebentaram as correntes da rotina e apresentaram abordagens distintas para o desafio. Esses foram convidados para vir presencialmente à Aceleradora apresentar as suas ideias, para o nosso time e para alguns especialistas em Comex da Columbia Trading. Se eles desejarem continuar com o projeto, estaremos prontos para ajudá-los com mentorias e canalizar a energia que os alunos dispõem. Quem sabe uma nova startup não nascerá de algum deles?

Isso quer dizer que os demais projetos serão descartados? Nem de longe! O que estamos propondo ao Mackenzie é que permita aos alunos darem continuidade aos projetos que eles acreditam ter espaço para amadurecer.

Além disso, sabemos que a "sementinha da inovação", o poder de responder a pergunta "e se algo for feito de forma diferente" foi apresentado para esses alunos, que a partir de agora terão a opção de seguir uma carreira empreendedora, começar a sua própria startup ou seguir uma carreira corporativa, mas com uma postura intraempreendedora, tão importante e valorizada nos dias de hoje.

Do ponto de vista das lições aprendidas com o nosso piloto (aliás essa sempre deve ser a função de um piloto, aprender), entendemos que é muito importante estarmos mais próximos dos alunos para ajudá-los a entender melhor o problema, dar detalhes, estarmos disponíveis a atende-los para que eles possam saber mais das limitações e dificuldades vividas pelas empresas dentro daquele desafio.

Estamos felizes pelo nosso “MVP” junto ao Mackenzie ter dado certo. Nosso roadmap? Expandir para mais Universidades e estruturar um fluxo de informações junto a elas. Também buscaremos o estabelecimento da interdisciplinaridade entre as Faculdades: comércio exterior, relações internacionais, administração de empresas junto à ciência da computação e engenharia de sistemas.

Começamos a entender na prática a fala de uma parceira aqui da 4Comex: “Meus melhores funcionários são os estagiários, pois eles conseguem dar ideias de simplificação mais facilmente do que nós, que estamos enfiados no problema”.

E se você é professor, estudante, ou um entusiasta da inovação e quer nos conectar com alguma Universidade, ficaremos extremamente felizes em colaborar!

Yuri da Cunha Ferreira

Vamos Conversar? Cadastre seu email e fique conectado com esse ecossistema de inovação.

Realização

A Columbia Trading é uma empresa atuante no ramo logístico e trading no Brasil, parte do Grupo ECOM, líder mundial em operações de Trading de Commodities Agrícolas, é prestigiada por ser uma das empresas mais éticas e responsáveis. Associada ao Instituto Ethos, pautam a experiência do usuário (UX) como ponto chave para o sucesso. Em 20 anos de existência, especializaram-se em soluções para Comércio Exterior, além de possibilitar um processo mais otimizado de importação e exportação aos seus clientes. Veja mais:

www.columbiatrading.com.br
Contato
imprensa@a4comex.com.br
projetos@a4comex.com.br